Ciclo sem fim.





Na vida tudo nada se perde,

Tudo se transforma,

E no final tudo se completa.

Todo fim

Necessita de um começo,

E o começo,

Terá algum dia seu fim.

Tudo se transforma,

O amor,

O homem,

A virtude.

Tudo muda,

Nada permanece parado,

Estacionado.

Se hoje tudo é choro,

Amanhã o dia ficará mais brando,

Se tudo é raiva,

Algum dia será a paz.

Tudo se desfaz,

Refaz,

E tornasse uno,

O espírito,

O corpo,

E a terra.

Sem guerras,

Ou sangue,

Sem dor.

E a morte?

Um final de um ciclo,

E o começo de outro.

Girou a roda,

Morreu um velho,

Nasceu um menino,

Jogado nesse mundo,

Com alguma razão,

Algum destino.

Será que vai viver alheio?

Ou vai procurar um caminho?

Sua alma,

É alma de poeta.

Sua mente,

Respira filosofia.

O tempo

É voraz,

Devora

E transforma.

E o ciclo continua,

Tudo muda,

Tudo se transforma,

E no fim tudo se completa...

1 comentários:

Luciana Brites disse...

Amei.....
"É da vida, firmamento e a cada momento está a segurar, força breve, vale tanto, vale o quanto a vida nos pode durar..........Madredeus

Postar um comentário